Acelere as buscas do WordPress com o Elasticsearch

Elasticsearch é um mecanismo de indexação e busca textual de alto desempenho e alta precisão.

Elasticsearch Logo Elasticsearch é o nome de um sistema de indexação e busca textual de alto desempenho e alta precisão (visite o site oficial do Elasticsearch — em Inglês).

É um sistema de código aberto (qualquer um pode instalar e usar, ou mesmo modificar o código do sistema para ficar mais adequado às suas necessidades particulares), normalmente utilizado em conjunto com o Kibana, sistema também de código aberto para análise de grandes volumes de dados com alto desempenho.

Do ponto de vista de quem usa o WordPress como gerenciador de conteúdo a principal vantagem do Elasticsearch é acelerar em muito as operações de busca no site.

Ao mesmo tempo os resultados das buscas no WordPress ficam mais rápidos também ficam mais relevantes, devido à sofisticação do mecanismo de indexação.

Para fazer o WordPress utilizar os poderes do Elasticsearch os seguintes requisitos devem ser atendidos:

  1. o plugin Elasticpress deve estar instalado e corretamente configurado no WordPress (endereço do cluster Elasticsearch — que pode ser um único servidor) e ativação do modo “busca” padrão nos posts e páginas;
  2. uma instância Elasticsearch totalmente funcional.

Posts Relacionados

O Elasticpress tem também a capacidade anunciada de prover posts relacionados mais relevantes ao utilizar o próprio Elasticsearch para encontrar os resultados mais coerentes com o texto do conteúdo em questão, porém em nossos testes este recurso não funcionou corretamente. Esperamos que a próxima versão do plugin corrija este problema.

Busca Aprimorada para WooCommerce

Outra capacidade anunciada do Elasticpress é melhorar as buscas em blogs que se utilizam do WooCommerce. Entretanto, não tivemos a possibilidade de fazer nenhum teste dessa natureza.

Instalação do Elasticsearch

A instalação do Elasticsearch não é exatamente uma tarefa trivial, razão pela qual nosso suporte fará este serviço gratuitamente para quem queira ter seu próprio serviço de indexação funcionando: basta ser cliente da PortoFácil.

Os requisitos de sistema é que são mais complicados: por ser escrito em Java o Elasticsearch demanda um servidor com pelo menos 7GB de memória RAM. Com menos que isso o Elasticsearch vai ficar pesado, deixando tudo o mais que estiver rodando na mesma máquina bastante lento, o que pode afetar negativamente o desempenho geral dos sites (fazendo o inverso do que se espera, que é a aceleração das buscas).

Mas é claro que isso não é problema, até para quem tem um servidor menor: nossa instância de Elasticsearch está à disposição de qualquer cliente que queira acelerar e melhorar a relevância das buscas dentro do WordPress. Basta entrar em contato com o Suporte e pedir para iniciar este processo.

Considerações de Segurança do Elasticsearch

O Elasticsearch não prevê o conceito de “usuário”, então qualquer um que conheça o endereço em que opera um cluster (ou servidor individual, o conceito é o mesmo) poderá fazer uso deste lendo ou gravando informações no índice, ou mesmo fazer ataques de negação de serviço.

Para evitar este tipo de problema duas abordagens são possíveis:

  • manter o cluster responsivo apenas para localhost, de forma que apenas os blogs com Elasticpress na mesma máquina consigam acessar o Elasticsearch; e
  • disponibilizar o Elasticsearch “atrás” de um proxy com controles de acesso.

No caso do nosso cluster seguimos a segunda abordagem, bloqueando todos os IPs e só liberando, seletivamente, o daqueles VPSs e servidores dedicados que efetivamente terão direito de usar o Elasticsearch.

 

 

Quero ser cliente da PortoFácil!Contato

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 5
Total de Votos: 4

Acelere as buscas do WordPress com o Elasticsearch

Compartilhe

Publicado por Janio Sarmento – 08 de junho de 2018