Acelere sua navegação na Internet usando DNSs alternativos

Se o seu domínio está demorando a propagar experimente os DNSs alternativos em sua conexão.

Super dica para acelerar sua navegação na Internet usando DNSs alternativos. Uma das coisas mais irritantes para quem tem sites é a necessidade de esperar pelo período de “propagação de DNS”. Período de tempo que um domínio recém registrado pode ficar total ou parcialmente inacessível aos visitantes.

Embora possa haver casos em que o problema esteja no DNS do servidor de hospedagem ou no da empresa de registro de domínios, a maior probabilidade mesmo é de que a culpa esteja no provedor de acesso à Internet que as pessoas usam para navegar de suas casas e escritórios.

DNS: Domain Name System

Para entender melhor o que acontece é necessário saber, primeiro, o que é o DNS: Domain Name System, ou sistema de nomes de domínios.

Em termos de Protocolo de Internet (IP), na verdade não existem nomes de domínios. O que existem são endereços numéricos, os IPs, que são compostos, na versão IPv4 do protocolo, de quatro grupos de números inteiros entre 0 e 255. Por exemplo: 192.168.1.5 é um endereço IP.

Porém, ficaria extremamente difícil das pessoas memorizarem os endereços não só dos próprios sites, mas também dos sites que ela gosta de visitar, e é exatamente aí que entra o DNS.

Felizmente, ninguém precisa ficar refém dos servidores DNS do seu provedor de acesso.

O servidor DNS é como se fosse um imenso sistema de “cartório”, no qual ficam registrados os endereços dos domínios e os respectivos IPs.

Por exemplo, quando um visitante digita a página do seu banco no navegador, internamente esse navegador faz uma consulta ao servidor DNS, informando o nome que deseja. Em seguida o servidor DNS devolve o IP correspondente para o navegador. Nesse momento, o navegador se conecta àquele IP e informa ao servidor que deseja obter a página do domínio do seu banco.

Sendo assim, vale ressaltar que cada conexão de Internet tem que ter pelo menos dois servidores de DNS disponíveis. E caso estes servidores falhem na resolução de algum nome, todos os computadores conectados a eles ficarão impossibilitados de visitar o site, pois eles não sabem aonde devem se dirigir.

Acontece que, infelizmente, as operadoras de Internet no Brasil nunca ofereceram toda aquela qualidade que os clientes merecem. É comum os usuários ficarem completamente sem conexão ou com conexão parcial, impossibilitados de visitar livremente o que bem entendem.

Servidores DNS Alternativos

Mas felizmente, ninguém precisa ficar refém dos servidores DNS do seu provedor de acesso. Atualmente existem muitos servidores DNS alternativos que oferecem resolução de nome mais rápida e confiável, de maneira gratuita.

OpenDNS

Uma das mais antigas opções de servidor DNS é o OpenDNS, um serviço gratuito de resolução de nomes que pode ser configurado em praticamente qualquer conexão.

Para saber como configurar o OpenDNS recomendamos fazer a seguinte busca simples no Google. O próprio buscador vai reconhecer o seu sistema operacional e oferecer instruções adequadas:

A título de informação, os servidores do OpenDNS são:

  • 208.67.222.222
  • 208.67.220.220

Google DNS

Outra alternativa tradicional, e bem conhecida, é o Google DNS. Até antes do advento do Marco Civil da Internet o Google mantinha servidores inclusive no Brasil, o que fazia com que ele fosse o mais rápido serviço de DNS à nossa disposição.

Hoje em dia ele não tem mais esse mesmo prestígio, mas ainda é uma excelente alternativa aos servidores DNSs claudicantes oferecidos pelas operadoras de Internet em geral.

Os seus servidores são:

  • 8.8.8.8
  • 8.8.4.4

Cloudflare DNS

A Cloudflare é conhecida e reconhecida por seus serviços de DNSs autoritativos e pelo serviço de CDN e aceleração de sites.

Entretanto, a empresa também entrou para o ramo dos servidores DNS públicos, com funcionamento idêntico ao dos concorrentes.

Então, a maior vantagem da Cloudflare em relação aos concorrentes é ser muito mais rápida, pois tira vantagem de seus datacenters espalhados pelo mundo inteiro. Inclusive, um datacenter está localizado em São Paulo.

Os servidores da Cloudflare DNS são:

  • 1.1.1.1
  • 1.0.0.1

O procedimento de configuração, naturalmente, é o mesmo para qualquer DNS alternativo.

Conclusão

Enfim, não é uma regra, mas o que recomendamos é mesclar esses servidores entre si.

Por exemplo, configure um DNS da CloudFlare como principal e outro DNS do Google como secundário. Mas o importante mesmo é efetuar vários testes até chegar ao melhor resultado!

 

Quero ser cliente da PortoFácil!Contato

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 36

Acelere sua navegação na Internet usando DNSs alternativos

Compartilhe

Publicado por Janio Sarmento – 13 de fevereiro de 2019