Transformação digital, aperte os cintos, a mudança chegou

A tranformação digital é a nova buzzword dos negócios e das empresas – de tecnologia ou não. Entenda o conceito e saiba o que vem por aí.

Existe uma nova buzzword no mundo dos negócios: transformação digital. A expressão, que envolve centenas de questões técnicas, tem muito mais consequências humanas do que se pode imaginar.

No meio da transformação digital estão embarcadas novas tecnologias que estão mudando a face do trabalho e do uso de tecnologia. Bancos totalmente digitais, sem nenhuma agência física. Serviços de saúde que têm banco de genes. Bots que entendem linguagem e respondem às perguntas dos clientes.

Esses são os resultados das sementes que plantamos há 30 anos, quando começamos a explorar as possibilidades dos PC’s, Internet e comunicação. Quem tem mais de 40 consegue lembrar dos telefones que tinham discos – que as crianças de hoje não conseguem reconhecer como equipamentos de comunicação.

Mudança = transformação digital

Entrincheirados na transformação digital, estão conceitos que podem escapar à maioria dos humanos – mas que enchem seus olhos de brilho, porque resolvem problemas cotidianos que realmente perturbam.

A transformação digital – que quase matou os blogs, segue mexendo nas formas de comunicação e agora ameaça perturbar as estabilidades políticas – tende a chegar à vida de todos nos próximos anos.

Segundo o Fórum Econômico Mundial, o próximo passo será o sumiço de profissões. Analistas de risco, assistentes jurídicos e corretores irão diminuir draticamente até 2020; os jornalistas tendem a sumir do planeta trabalho e os pilotos de avião devem ser trocados por robôs até 2025.

Gerd Leonhard, o suíço que se dedica a investigar o futuro diz que as profissões, entretando, não irão evaporar – mas que as características humanas serão, no futuro, muito mais importantes que hoje.

Segundo Leonhard, intuição, criatividade, imaginação, empatia, consciência, valores, compaixão e emoção serão diferenciais importantes nas carreiras do futuro. O importante, em tempos de mudanças profundas, como agora, é abraçar a mudança, nos lembra o futurólogo. Capacitação, olho na sustentabilidade que garantirá o futuro da vida no planeta e flexibilidade para encarar as novas realidades são alguns dos novos caminhos.

Como sabemos, os blogs minguaram, mas não morreram. O mesmo tende a acontecer com o futuro digital: outra paisagem, novos paradigmas e, teoricamente, mais humanidade. Quem viver, verá.

Para ler: Gerd Leonhard

Foto: Alex Iby on Unsplash

 

Quero ser cliente da PortoFácil!Contato

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 5
Total de Votos: 4

Transformação digital, aperte os cintos, a mudança chegou

Compartilhe

Publicado por Lucia Freitas – 16 de novembro de 2018