Entrevista com o Cliente: Fabio Lobo

Hoje a série Entrevista com o Cliente apresenta Fábio Lobo, web designer, desenvolvedor front-end e especialista em WordPress. Conheça o trabalho e as opiniões de Fabio Lobo.

Fabio Lobo, entrevista com o cliente

Leia a entrevista de Fabio Lobo, web designer e desenvolvedor front-end, especializado em WordPress. Fabio fez o logo e o tema da PortoFácil em 2012 e se tornou cliente bem depois, em 2016.

Qual a sua profissão e idade?

Sou web designer, desenvolvedor front-end, “programador wordpress” (não gosto desse nome, mas é o que tem para hoje) e publicitário de formação (não conta para ninguém). Tenho 30 anos, mas discordo.

Você trabalha numa empresa? É própria ou de terceiros?

Sim, é minha empresa, leva meu nome mesmo. Além dela, tenho a WOWF (hospedagem compartilhada) e a FicaOn (templates para WordPress), e futuramente mais uns projetos na área.

Quais são seus passatempos?

Séries, fazer stickers para Telegram, cozinhar e manter meu perfil no ReclameAqui atualizado (juro que não é piada – infelizmente a maioria das empresas não têm atendimento nível PortoFácil).

Como se mantém informado?

Costumava usar o twitter para isso, mas tenho me afastado das redes sociais no geral. Então o feed de notícias do Android ajuda bastante.

Sobre a sua empresa/trabalho

Bom, tudo começou com os blogs, lá para 2004. Comecei a fuçar nos códigos para tentar personalizar meus blogs do meu jeito, até que um dia eu tava fazendo isso para outros blogueiros. Passei por algumas agências e sempre continuei atendendo outros blogueiros como freelas, até que chegou uma hora que decidi trabalhar por conta própria mesmo, ter minha própria empresa e expandir o atendimento para empresas (inclusive a PortoFácil foi minha cliente antes de eu ser cliente dela!) e lojas virtuais também. Minhas especialidades são web design, front-end e WordPress.

Você tem metas para o próximo ano? Gostaria de compartilha-las?

Expandir a WOWF, que é uma hospedagem compartilhada que, por sinal, utiliza servidores da PortoFácil, e a FicaOn, que é uma solução de baixo-custo para quem precisa de um site mas não pode pagar um Fabio Lobo agora. Em ambas os projetos tento oferecer um serviço bom, rápido e com preço acessível.

Como descobre inovações/novidades para seu negócio/empresa?

Costumo me desafiar bastante. Sempre que surge um job novo, penso o que ele poderia ter de diferente e atual. É uma forma de me manter sempre atualizado e oferecer sempre algo novo para os clientes e parceiros. Esses dias mesmo tenho focado bastante em SEO, AMP e performance.

Você é o(a) responsável pelas decisões de compra?

Sim, decido tudo… mas só depois de uma consultoria básica. Sempre que preciso de um servidor novo, por exemplo, falo pro Jânio exatamente qual será o uso para que ele me indique qual é a melhor opção. Aliás, o Jânio já me ajudou até a escolher uma cadeira pro escritório! No geral, sempre gosto de pesquisar dias (em alguns casos, meses) e consultar especialistas, ou ao menos quem já teve alguma experiência no assunto (como o caso das cadeiras) antes de fazer uma compra. Claro, minha prioridade é sempre qualidade e solução, porque todo mundo sabe que o barato sai caro.

Quais são suas principais razões para fechar um negócio?

Conceito e resultado. Já recusei fazer trabalhos que seriam “mais do mesmo” ou que, na minha opinião, não dariam certo. Parece arrogância, mas pelo contrário: eu me vejo na obrigação, como profissional, de alertar o cliente quando alguma ideia não é boa ou quando não é aquilo que o negócio dele realmente precisa. Se eu fosse fechar um negócio assim, seria só pelo dinheiro, o que me dá a sensação de que eu estaria tirando proveito, sei lá.

Quais são os principais problemas nas áreas de tecnologia/serviços que precisa resolver dentro da empresa?

Não é bem um problema: Manter-me atualizado. Todo dia sai alguma coisa nova, enquanto eu respondo essas perguntas já lançaram dois frameworks JS novos e algum plugin de WordPress parou de funcionar, por exemplo. Faz parte da área – ela está sempre em evolução.

Na sua opinião, quais são os critérios mais importantes para decidir por um investimento em uma tecnologia ou serviço?

Basicamente, se vai valer a pena. Vai ser realmente necessário? Vai facilitar ou melhorar alguma coisa? Vai ter um retorno bom? É algo minimamente acessível? Dúvidas assim.

Você lembra há quanto tempo é cliente PortoFácil?

Vish! Acho que meu primeiro contato como cliente foi quando eu trabalhava em uma agência, em 2011, mas aí não vale porque eu só indiquei e não era, de fato, o cliente. Inclusive, sempre indiquei a empresa mesmo não sendo cliente, já que alguns de meus clientes eram hospedados por aqui e sempre elogiavam o serviço. Eu mesmo passei a ser cliente da PortoFácil quando trouxe a WOWF para cá, em 2016. Já a PortoFácil é minha cliente desde 2012.

Quais foram os motivos para escolher a PortoFácil na hora de escolher seu servidor?

Atendimento e qualidade do serviço. Aliás, o atendimento dá de 10×0 em qualquer outro por aí porque a PortoFácil corre atrás de resolver problemas, se especializam e se mantêm atualizados. Numa hospedagem loca por aí, por exemplo, o suporte quase nunca tem especialidade no assunto e acabam mais atrapalhando que ajudando. Já na PortoFácil eles fazem algumas coisas que nem são obrigação do suporte de uma hospedagem. Até consultoria de projeto já vi os caras fazerem!

Usou outros servidores antes da PortoFácil? Quais? Quais as principais facilidades e dificuldades?

Sempre usei a Via Hospedagem, que é parceira. Mas já passei por várias outras hospedagens, fora experiência com outros clientes… enfim, a coisa é feia por aí. Tem um abismo entre a PortoFácil e outras hospedagens!

Durante o seu tempo como cliente, quais as inovações que mais facilitaram a sua vida?

Servidor sem cPanel, com otimização de imagem, SSD, nginx bonitinho e cache próprio.

Quais são seus elogios à PortoFácil?

Pode ser todos eles?

Você tem alguma crítica? Como podemos melhorar o serviço?

Podiam servir um cafezinho na sala de espera do suporte. Espresso, moído na hora. De graça, claro. Só falta isso!

Houve mudanças que atrapalharam o seu dia a dia? Quais? Como resolveu o problema?

[não se aplica]

 

Quero ser cliente da PortoFácil!Contato

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 5
Total de Votos: 7

Entrevista com o Cliente: Fabio Lobo

Compartilhe

Publicado por Lucia Freitas – 14 de maio de 2018