Diferença entre WordPress.org, WordPress.com e Blogspot

Entenda as diferenças entre WordPress.org, WordPress.com e Blogspot.com. A partir daí escolha a melhor opção para administrar seu site ou blog.

Qual a diferença entre WordPress gratuito, WordPress instalado e Blogspot? Em uma Internet cada vez mais abrangente, você saberia dizer quais são as diferenças entre essas três plataformas? Se não sabe, podemos lhe adiantar que uma coisa é certa: a escolha da melhor plataforma está diretamente ligada ao sucesso do seu negócio online.

Diferença entre WordPress.org, WordPress.com e Blogspot
Diferença entre WordPress gratuito, WordPress instalado e Blogspot

WordPress.org

Sem dúvidas, esta é a principal plataforma de gerenciamento de conteúdo que existe atualmente. Possui código aberto e uma densa comunidade trabalhando dia e noite para o seu crescimento. Pode ser usado por qualquer pessoa que possua uma hospedagem WordPress contratada e um nome de domínio registrado.

Sua principal vantagem é o controle total e absoluto do CMS — Content Management System ou Sistema de Gestão de Conteúdo –, sendo possível realizar qualquer tipo de ajuste ou personalização. Por exemplo:

  • Com a plataforma instalada, você consegue personalizar livremente o template WordPress do seu site ou blog. Seja ativando layouts gratuitos disponíveis no repositório oficial ou desenvolvendo o seu próprio tema;
  • Além disso, é possível configurar plugins e até mesmo aplicativos para turbinar sua experiência e, também, dos seus visitantes. Por exemplo, a instalação de plugins avançados de estatísticas, como o Google Analytics. Além da configuração de um arquivo XML-Sitemap para ajudar na otimização.
  • É possível ter o controle total sobre a otimização SEO do seu layout ou template, ajustando-o de acordo com a sua demanda;
  • Inclusive, com o WordPress instalado em seu próprio servidor web, é possível configurar anúncios que podem te ajudar a ganhar muito dinheiro com sites e blogs;
  • Com o WordPress.org também é fácil transformá-lo numa loja virtual poderosa usando o Woocommerce;

WordPress.com

Embora utilize o mesmo nome, o WordPress.com é uma plataforma de gerenciamento e criação de sites criada pelo co-fundador do WordPress.org. Seu objetivo é disponibilizar o CMS para todos que quiserem ter um site ou blog nas interwebs, sem a necessidade de gastar dinheiro com hospedagem nem com nomes de domínios. Suas principais características são:

  • Criação de um site ou blog com extrema facilidade, sem a necessidade de entender uma linha de código sequer;
  • Opção de montar o design do seu site ou blog em poucos minutos, e com poucos cliques, através de uma ferramenta inteligente que lhe oferece uma boa variedade de opções;

Desvantagens do WordPress.com

Apesar de ser voltado para um público mais amador, possui vários planos. Desde o gratuito até aqueles voltados para um público mais profissional. A desvantagem é que o plano gratuito do WordPress.com oferece pouquíssimos recursos, por exemplo:

  • Só é possível instalar os templates gratuitos disponíveis;
  • É proibido veicular seus próprios anúncios;
  • Não é permitido instalar plugins;
  • Limite em disco de apenas 3GB para salvar seus dados;
  • Não lhe dá controle sobre o SEO;
  • So é possível analisar as estatísticas básicas de acesso.

Com base nessas informações, se você quiser qualquer coisa além dos itens citados acima, terá que migrar para um dos seus planos pagos.

Blogspot.com

Com certeza esta é uma das mais antigas plataformas de gerenciamento de conteúdo que já foram criadas. O Blogspot.com ou, para os mais chegados, Blogger, continua oferecendo o mesmo serviço desde os primórdios da blogueiragem.

Assim como o WordPress.com, o Blogspot é uma boa opção para o público mais amador. Até porque é bem simples de configurar, gerenciar e até permite opções de monetização. Entretanto, devido ao seu blog não estar sob seu total controle, visto que ele fica hospedado nos servidores do Google, você pode perdê-lo a qualquer momento. Seja via cancelamento da conta ou via suspensão do serviço.

Resumindo

Dentre as três opções acima, a melhor opção, sem dúvidas, é a utilização do WordPress instalado e configurado em um servidor web. Assim você terá controle total de tudo que a plataforma oferece e, principalmente, do seu conteúdo. Pois com seu conteúdo dentro da sua própria hospedagem WordPress, nunca correrá o risco de ser sumariamente apagado.

 

Quero ser cliente da PortoFácil!Contato

Publicado por Celso Junior – 12 de junho de 2020
Atualizado em 13 de junho de 2020